Data de postagem: 02/07/2020 11:33:14

Edificando sob a bênção de Deus


Mateus 7.24-27 e Salmo 127

O texto de Mateus 7.24-27 deixa transparecer que todos estamos edificando alguma coisa. Não importa se sejamos homem, mulher, líder, pastor, autônomo, patrão ou empregado. Todos somos responsáveis por construir algo. Alguns constroem de maneira prudente. Outros constroem de maneira insensata.

Por isso é importante que entendamos como construir sob a benção de Deus. Se construímos sob a benção de Deus, vai permanecer. Caso contrário, mais cedo ou mais tarde vai transformar-se em ruínas.

O que construímos com os nossos dons, podemos destruir com o nosso caráter.
Salomão foi um exemplo disso. Ele tinha o dom da sabedoria e construiu muitas coisas. Mas seu caráter era fraco. Acabou destruindo tudo o que construiu. No final de sua vida havia mágoa e desilusão (veja o livro de Eclesiastes).

Se o Senhor não estiver no processo de construção, é inútil construir!
Se você construí uma igreja; se você construí uma amizade; se você construí uma empresa; se você construí um relacionamento - é inútil. Não vai permanecer! O que Deus construiu Ele cuida! O que Deus não construiu Ele não tem obrigação de cuidar.

Alguém pode pensar: "Se eu não estivesse aqui - se não fosse por mim - o que seria dessa igreja? O que seria desse ministério?"
Na verdade, o único insubstituível, o único indispensável, é Deus. Se o Senhor não estiver ocupando o lugar d'Ele em nossa vida; em nossos projetos; em nossa igreja; é melhor parar de tentar construir. Será inútil!

Estamos construindo inutilmente:
" Quando ignoramos Deus na área em que estamos construindo;
" Quando vivemos anos e anos insatisfeito com a nossa vida;
" Quando usamos as estratégias corretas e fracassamos assim mesmo.

Sugestões para que comecemos a edificar sob a benção de Deus:
" Submetamos nossas posses; nosso ministério; nossa família; ao domínio de Deus;
" Enfatizemos a importância de cumprirmos nossas responsabilidades ao invés de exigirmos nossos direitos;
" Desejemos a aprovação de Deus, mais do que a aprovação das pessoas;
" Seja a nossa aspiração servir, ao invés de procurarmos quem nos sirva.

Tenhamos todos/as um abençoado mês de julho juntamente com nossa família e nossas igrejas.

Bispo João Carlos


 voltar ao topo
Direitos Reservados
Igreja Metodista - Sexta Região Eclesiástica