Data de postagem: 28/11/2016 21:12:24

Advento e Gratidão

"Graças a Deus pelo seu dom indescritível!" (2 Co 9.15)

O apóstolo Paulo assim descreve os últimos tempos: "porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, preguiçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos..." (2 Timóteo 3.2). Note que uma das características mencionadas nessa "litania do mau caráter" é a ingratidão.
Esse texto parece descrever a realidade atual. Vivemos em um tempo de muita ingratidão. Ouça as pessoas ao seu redor. Qual a tônica da maioria das conversas? Reclamação; murmuração.

Entretanto, o desafio bíblico para nós é desenvolver uma atitude de gratidão. Em sua primeira carta aos tessalonicenses o apóstolo Paulo faz a seguinte exortação que serve de desafio para todos nós: "Em tudo daí graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco" 5.18.

A base primeira para toda atitude de ação de graças está relacionada ao maior presente que já foi dado - Jesus. O maior dom que o ser humano poderia receber é o dom da vida eterna através de Jesus Cristo.

Essa é a essência do evangelho. Essa é a verdadeira boa notícia. E quando experimentamos o efeito dessa boa notícia em nossas vidas, a gratidão flui espontaneamente. E. J. Conrad disse que: "Uma das marcas distintivas de uma pessoa não regenerada é a ingratidão".

Às vezes pensamos que as pessoas são ingratas porque são infelizes. De fato, o oposto é verdadeiro: pessoas são infelizes porque são ingratas.

Em muitas situações parece impossível não focar o negativo. Matthew Henry, escritor americano, passou por uma dessas situações. Atacado por ladrões que o feriram e levaram sua carteira com todos os documentos ele escreveu em seu diário: "Sou grato, em primeiro lugar porque essa é a primeira vez que fui assaltado; em segundo lugar, sou grato porque, ainda que tenham levado minha carteira, não tiraram minha vida e, em terceiro lugar, sou grato porque fui roubado, não roubei".

Um coração agradecido é, de fato, a única coisa que temos para oferecer a Deus. Tudo o mais recebemos de Deus. Gratidão é uma escolha. É uma oferta de louvor a Deus. "Graças a Deus por seu dom indescritível".

Tenha um abençoado tempo de Advento.

Bispo João Carlos

 voltar ao topo
Direitos Reservados
Igreja Metodista - Sexta Região Eclesiástica