Data de postagem: 23/03/2020
Fonte: www.metodista.com

Encontro Regional de Esposas de Pastores


* Mentoria, aconselhamento, comunhão e amizade marcam Encontro de Esposas de Pastores
* Projeto Cuidar foi apresentado durante o evento com foco para o desenvolvimento de vida e ministério das esposas de pastores da Sexta Região

Por Kalinka Marrafon

Vivenciar o novo. Cultivar a alegria de viver e aprender a transformar as memórias corporais dolorosas através da dança e do poder da palavra de Deus. Através da ludicidade muitas mulheres puderam compor uma nova canção para suas vidas, durante o Encontro de Esposas de Pastores "Transformando o lamento em esperança", realizado entre os dias 13 a 15 de março no Espaço de Convivência da Igreja Metodista de Londrina.

Bispo João Carlos Lopes esteve presente realizando a abertura oficial do evento. Ele destacou em sua fala o texto de Efésios 3.10 onde a igreja tem um papel fundamental a ser cumprido por seu intermédio: "que a multiforme sabedoria de Deus se torne conhecida dos principados e das potestades nas regiões celestiais, segundo o eterno propósito. Deus distribui dons diversos ao Corpo de Cristo e o que dá certo em uma igreja dificilmente dará em outra, então não tente copiar. Deus nos fez diferentes, o meu dom é diferente do seu e essa é a beleza da multiforme graça de Deus. Mas tudo isso, porém, para vivermos em unidade. Um corpo tem diferentes membros e assim também é no Corpo de Cristo", afirmou bispo João Carlos.

Ida Mara Freire, pedagoga, especialista em dança, membro da igreja Metodista Itacorubi, em Florianópolis - Distrito Litorâneo, conduziu as participantes à jornadas criativas mediadas pela corpografia a desenharem seu silêncio, escutando a voz do seu e a expressarem através da dança suas palavras. Isso impactou de forma significativa as participantes. "A experiência mais marcante que tive no encontro foi o momento da dança da vida. Pude conhecer um pouco da história de cada mulher que estava ali presente. Sentir o que cada uma sentiu nos melhores e piores momentos da vida. Isso me fez pensar que todas nós temos desafios, somos muitos diferentes, mas ao mesmo tempo muito iguais. Os desafios mudam, mas todas enfrentamos situações que mexem com a gente, com a nossa história", contou Patrícia Pires.

Além de impactar o encontro também motivou o autoconhecimento como conta Tereza Cristina Silva, da Igreja Metodista Central de Joinville - Distrito Litorâneo. "O encontro significou um encontro comigo mesma, onde parei para me enxergar de dentro para fora. Além disso, despertou ainda mais meu desejo de cuidar de outras mulheres que passam pelos mesmos desafios que passo. Foi bênção para minha vida", afirmou.

A coordenadora do Ministério Regional de Esposas de Pastores Grace Smith e organizadora do encontro, Vânia Sakiyama, membro da Igreja Metodista em Balneário Camboriú - Distrito Litorâneo, explicou que o objetivo do encontro foi fortalecer a comunhão e a amizade das esposas de pastores e ao mesmo tempo capacitá-las para o serviço de mentoria e aconselhamento de outras esposas. "Esse encontro motivou demonstrar que mesmo sendo líderes somos vulneráveis, mas ainda assim podemos fortalecer umas as outras". E o objetivo foi alcançado. É o que afirma Rebeca Tamy Morishita Camargo, membro da Igreja Metodista de Marumbi - Distrito Centro-Norte. "Deus me surpreendeu com cada vida que conheci, com cada experiência trocada. Foi enriquecedor ter contato com outros pontos de vista a respeito da família pastoral. Cada momento do encontro foi precioso", disse.

Ilaene Schüller, coordenadora nacional do Ministério Mulheres Mentoras apresentou o Projeto Cuidar que tem seu foco voltado para assessoria, mentoria, oração e cuidado, capacitando e mobilizando esposas de pastores para o desenvolvimento de vida e ministério. O projeto tem sido desenvolvido na Sexta Região Eclesiástica desde 2019. O projeto piloto teve início com as esposas dos Secretários Distritais que reunidas, durante o encontro, demonstraram na prática seu funcionamento. Para ilustrar o cuidado de Deus para com seus filhos desde os tempos bíblicos e que o elo de confiança é a base do discipulado e da caminhada cristã, Ilaene ministrou sobre o relacionamento de cuidado entre Isabel e Maria.

"Deus se antecipa e permite que Isabel seja a mulher que vivencie o sobrenatural ao engravidar, gerando João Batista, assim Maria tem já preparado por Deus no relacionamento com Isabel, um lugar de cuidado, um relacionamento de confiança onde pode buscar proteção e tem liberdade para abrir o coração. O que Isabel depositou no coração de Maria nestes três meses, nos quais Maria permaneceu em sua casa, com certeza contribuiu para que Maria pudesse viver tudo que teria pela frente como mãe do Salvador".


Confira outras imagens:


 voltar ao topo
Direitos Reservados
Igreja Metodista - Sexta Região Eclesiástica